Ecologia Humana: A Função da Natureza na Psicologia Analítica

Ecologia Humana: A Função da Natureza na Psicologia Analítica

ISSN 2447-3170 Vol. 3 Nº 3 Art.2

Capa de Livro: Ecologia Humana: A Função da Natureza na Psicologia Analítica

RESUMO

Ao estudar a obra de Carl Gustav Jung, bem como seu percurso biográfico, é notável a qualquer pesquisador que a natureza representou inspiração no processo de constituição de sua cosmovisão científica e pessoal. Nesse sentido, buscou-se com esta pesquisa apontar a relevância da natureza para a formulação da psicologia analítica, resgatando nas obras completas do autor (34 volumes) citações em que foi utilizado o termo “natureza” para subsidiar conceitos de sua teoria. Os achados (136 parágrafos) apontam que o autor concebia o funcionamento psíquico equivalente ao funcionamento dos sistemas naturais.

Palavras Chave: C. G. Jung; Ecologia Humana; Natureza

ABSTRACT

While studying the work of Carl Gustav Jung, like this your biographical route, it is perceptible to any researcher that nature represented inspiration in the process of construction of your scientific and personal worldview. Therefore, it was searched through this show the relevance of nature to the formulation of the analytical psychology, rescuing in the completed works of author (34 volumes) the citations where it was used the term “nature” to subsidize concepts in your theory. The findings (136 paragraphs) show of the author conceived the psychic functioning equivalent to the functioning of natural systems.

Key Words: C.G Jung; Human Ecology; Nature

 

Gêneros:
Tags:

Alisson José Oliveira Duarte1

1Psicólogo, Especialista em Psicanálise Clínica Mestre em Educação pela Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM), Uberaba – MG.